A VOZ DA PROFECIA

Pr. NEUMOEL STINA

 

VITÓRIA PELA FÉ

VP - 7195

 

Você acha que é possível neste mundo de pecado viver a vida requerida por Deus?  O que fazer para vencer os ataques de Satanás? Como suportar as provações?  Como ser um cristão, como adotar as normas do céu, e se colocar no caminho de Cristo?

 

O título da palestra de hoje é : VITÓRIA PELA FÉ.

 

A resposta para todas estas perguntas está na Bíblia, nas seguintes palavras. “E esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé”. I João 5:4.

 

O sentido é claro: A vitória sobre o mundo, sobre as tentações do diabo, sobre a carne, sobre toda a espécie de obstáculo à vida cristã, nós a alcançamos pela fé.

 

As Escrituras dão grande destaque para o papel da fé na vida vitoriosa. O apóstolo Paulo nos  diz:  “O justo viverá pela fé.” Romanos 1:17. O mesmo apóstolo diz em II Coríntios 5:7 – “Porque andamos por fé, e não pelo que vemos.”

 

Este mesmo destaque se vê no trato de Cristo com os homens. Aos dois cegos galileus, que lhe suplicaram que os curasse e que expressaram fé no Seu poder, Jesus disse: "Faça-se-vos conforme a vossa fé.” Mateus 9:29

 

O pai do endemoninhado mudo e surdo, que pediu a  cura de seu filho, Jesus disse: “Se podes crer; tudo é possível ao que crê.” Marcos 9:23

 

A fé, pois, é um elo de ligação do humano com o divino. Ela traz à vida do homem o poder de Deus. A luta contra o poder do mal na vida do cristão, deixa de ser só do homem para ser também do Deus Onipotente.

 

Escudado em Deus, pela fé, o homem se torna invencível. O apóstolo Paulo escreveu: “Posso todas as coisas naquele que me fortalece”. Filipenses 4:13.

 

A fé dá ao cristão a vitória em dois pontos. Primeiramente ela nos dá a vitória sobre o pecado – dá-nos uma vida vitoriosa.

 

É pela fé que alcançamos remissão dos pecados passados – coisa que as Escrituras chamam de Justificação. Ao homem que crê no Senhor Jesus Cristo como seu Salvador, que com arrependimento confessa a Deus os seus pecados, Deus perdoa, apaga o relatório de sua vida passada, por mais negro que seja, e põe a seu crédito a vida perfeita que Cristo viveu como homem.

 

Mas isto não seria suficiente. Se o homem continuasse pecando, sendo ainda escravo do pecado, o perdão passado pouco valeria. Ele continuaria sendo pecador.

 

A fé, porém, traz ao coração do homem um novo elemento – traz o Espírito de Deus, a vida, a justiça de Deus como demonstrada em Cristo.

 

O Salvador Jesus Cristo assim falou desta transação: “Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.” João 14:23

 

Mas, como alcançar a fé que traz a vitória? A fé é um dom de Deus que todos temos em certa medida. A fé pode ser desenvolvida e tornar-se uma força vencedora na vida do homem.

 

1. Em primeiro lugar adquirimos e cultivamos  a fé pelo estudo das Escrituras. A fé baseia-se na Bíblia. O apóstolo Paulo diz: “De sorte que a fé vem pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus.” Romanos 10:17. A fé genuína baseia-se nas promessas e providências das Escrituras.

 

2. A fé é fortalecida também pela oração. Como dádiva do céu que é, alcançamos a fé  pedindo a Deus. “ Para que a fé do homem seja forte, ele tem de estar muito com Deus em oração secreta.”

 

Em Lucas 17:5, nós lemos: “Disseram então os apóstolos ao Senhor: Aumenta-nos a fé”.  Esta é uma oração que devíamos fazer frequentemente.

 

3.  A fé é fortalecida ainda pelo exercício. “A fé é um dom de Deus, mas o poder de exercê-la é nosso.” O salmista diz: “ Provai e vede que o Senhor é bom”. Salmo 34:8.

 

Deus pois, nos convida a provar Suas promessas. Podemos pegá-Lo na palavra. Fazendo isto com temor e fé, Deus cumprirá para conosco as promessas do Seu Livro. E a nossa fé crescerá.

 

 Muitas vezes o exercício da fé implica em esperar pacientemente por um pedido a Deus.

 

Todos nós desejamos respostas imediatas e diretas às nossas orações, e somos tentados a ficar desanimados quando a reposta é retardada ou vem de uma maneira que não esperávamos.

 

Mas, Deus é demasiado sábio e bom para atender as nossas petições sempre justamente ao tempo e pela maneira que Ele achar conveniente. Ele fará mais e melhor por nós do que realizar sempre os nossos desejos. E como podemos confiar em Sua sabedoria e Seu amor, não devemos pedir que nos conceda a nossa vontade, mas buscar identificar-nos com Seu desígnio, e cumpri-lo.

 

Nossos desejos e interesses devem fundir-se com a vontade de Deus. Estas experiências que provam a fé são para nosso bem. Pois elas se manifestam, se nossa fé é verdadeira e sincera, repousando unicamente na Palavra de Deus.

 

Devemos permitir que a paciência tenha a sua obra perfeita, lembrando-nos de que há preciosas promessas nas Escrituras para aqueles que esperam no Senhor.

 

“Os próprios conflitos e repulsas que enfrentamos destinam-se a nos fazer mais fortes e dar estabilidade  à nossa fé.”    

 

 

 

A Bíblia nos diz: “Sabendo que a prova da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança.” Tiago 1:3.  E no verso 12 lemos: “Bem aventurado o homem que suporta como perseverança, a provação; porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que o amam.”

 

E assim, a fé, baseada nas Escrituras, liga o homem com o céu, e traz à vida a ajuda de Deus. A fé, liga o homem com o céu e traz à vida a presença e o poder de Cristo. E assim a fé nos da a vida vitoriosa, uma vida venturosa.

 

O mais completo escravo do pecado pode alcançar a vida triunfante. Pois “esta é a vitória que vence o mundo, a nossa fé.”